Leve-me contigo..

..:: Jardim da Tia Dani ::..


27 de setembro de 2009

Quando Retirar a Fralda


O momento ideal para a retirada da fralda de uma criança é quando ela já fala e anda. Quando o pequeno já pode pedir para ser levado ao banheiro e já dispõe de recursos simbólicos que lhe permitam compreender melhor esta rotina. Este aprendizado do controle das funções da bexiga e dos intestinos se dá num espaço de três anos, entre os 2 e os 5 anos de idade; poucas crianças têm controle confiável antes dos 2 anos, e poucas têm problemas, exceto por "acidentes" ocasionais, depois dos 5.
Quando retiramos a fralda, estamos iniciando a criança no cuidado com a sua própria pessoa; isto significa, subjetivamente, um processo de separação entre a criança e a mãe, algo que teve início no nascimento e veio se processando gradativamente, com o desmame e o desenvolvimento motor. Esta é a única razão responsável pelas ansiedades que cercam tal mudança na vida da criança.
É claro que mãe e filho não vão se separar com a retirada da fralda, mas é a qualidade de relação que vai mudar. Após este processo, haverá uma mãe mais autônoma e uma criança também mais autônoma, pronta, por exemplo, a freqüentar uma escolinha maternal.
Esta separação às vezes provoca alguma ansiedade na mãe, levando-a tirar e recolocar as fraldas na criança. Isto pode deixar a criança confusa quanto aos limites que estão sendo introduzidos para ela.
Treinando o uso da Privadinha
Compre um penico ou uma privadinha quando seu filho estiver com mais ou menos 1 ano e meio. Fale com ele e lhe explique para que serve. Não espere que ele a use imediatamente. Continue usando a fralda durante o dia ou enquanto for necessário; somente quando ele estiver controlando a urina e as fezes por algumas horas é que você deve sugerir, nunca insistir, de vez em quando que ele use o peniquinho.
Existem várias maneiras de levar o seu filho a usar o banheiro. Vai depender muito do grau de desenvolvimeto da criança, da sua personalidade e da rotina da família. O mais importante é não fazer da privadinha um motivo de conflito e tensão. A criança não pode considerar o banheiro um castigo e sim um prazer. A criança aprende a controlar o intestino e a bexiga quando estiver psicologicamente pronta. O único trabalho dos pais é criar condições para que o processo deaprendizado seja o mais descontraído possível.
A criança Adquire Confiança
Você deve continuar incentivando o seu filho a usar o peniquinho sempre que ele quiser fazer "xixi" ou "cocô", mas nunca fique aborrecida ou irritada quando não der certo; da mesma maneira, não seja tão efusiva quando ele conseguir usar o peniquinho, adequadamente. Aos poucos vá espaçando o uso das fraldas até colocá-las somente à noite.
O Uso do Vaso Sanitário e o Controle Noturno
Quando a criança já estiver usando o peniquinho com segurança, comece a levá-lo ao vaso sanitário. Você deve comprar aqueles assentos especiais para criança que se encaixam nos vasos normais Com ele a criança se sente mais segura.
Você deve explicar ao seu filho que o vaso pode ser usado da mesma maneira que o peniquinho. Vá alternando o vaso com o penico até a criança se sentir segura em ambos.
Nessa época é que você deve verificar se o seu filho está pronto para deixar a fralda noturna. A melhor maneira de ter certeza é quando a criança acorda com a fralda seca depois de várias manhãs consecutivas.
Quando você decidir deixá-lo sem fralda durante a noite, prepare-se para encontrar a cama molhada uma noite ou outra. Forre a cama com um protetor impermeável. Evite dar-lhe muito líquido antes de dormir.
Molhar a Cama Quando Já Está Maior.
Algumas crianças continuam a molhar a cama, as vezes, durante toda a infância. Raramente é motivo para preocupação, mas se ocorrer com freqüência poderá criar dificuldades para a criança e para os pais. A maioria larga este hábito antes da adolescência, mas você poderá acelerar o processo premiando as noite secas ou usando alarme contra a cama molhada.
O primeiro método deve ser usado como incentivo para a criança. Dê ao seu filho um calendário e marque com estrelinhas todas as noites que ele acordar seco. Ofereça um prêmio depois de um certo número combinado de estrelas. O número crescente de estrelas dará segurança a ele e o incentivará a controlar a bexiga.
O segundo método é utilizado quando o primeiro não dá certo. O sistema de alarme é um mecanismo instalado na cama da criança que toca uma campanhia assim que a criança começar a urinar. Isso farácom que ela acorde e termine de urinar no vaso.
Recomendações do tipo não dar líquidos à criança antes de dormir, fazê-la urinar antes de ir para a cama, retirá-la ainda uma vez no meio da noite podem servir como medidas preventivas de grande utilidade, mas, não se esqueça de que a retirada da fralda é um processo natural e deve ser encarado como uma coisa corriqueira, que só muito raramente pode causar problemas na vida de uma pessoa.


Lúcia Helena Salvetti De Cicco
Editora Chefe
Fonte
: http://www.saudevidaonline.com.br/fralda.htm

Um comentário:

gisafessora disse...

amei a dica, tenho um filho de um ano e oito meses ele já fala tudo e quando faz coco fala que fez, já estou colocando no vaso mas é um muito difícil, pois ele só avisa quando ja fez, só consegui umas três vezes antes dele fazer!!!! beijinhos!!!!